teste-para-lenita1

cicaf

*

Você está aqui: HomeNotícias40ª Assembleia Nacional da USCCB
Publicado em Notícias
Postado por  Sede Geral - Ivonete 29 Agosto 2017
40ª Assembleia Nacional da USCCB

 Nos dias 21 a 25 de agosto, em Curitiba – Paraná aconteceu a 40ªAssembleia da União das Superioras Gerais das Congregações Brasileiras. O tema: Resgatar a humanização nas relações fraternas para fortalecer o núcleo identitário da Vida Religiosa, e o lema: Saiamos depressa ao encontro com a vida (CLAR), foi assessorado pela irmã Annette Havenne, que foi uma presença muito positiva.

Com seu espírito profético e a presença muito fraterna Irmã Maria Inês Vieira Ribeiro – Presidente da CRB Nacional, fez-se presente em parte da assembleia.

Reafirmando o compromisso profético a USGCB partilha a Carta Aberta aprovada no final da assembleia.

 

Carta da União de Superioras e Superiores Gerais
de Congregações Brasileiras

Saiamos depressa ao encontro da vida

 

A União de Superioras e Superiores Gerais de Congregações Brasileiras, – USGCB – celebrando a sua 40ª Assembleia Nacional, nos dias 21 a 25 de agosto de 2017, em Curitiba/PR, com mais de 90 participantes, consciente de sua missão de “resgatar a humanização nas Relações Fraternas para fortalecer o Núcleo Identitário da Vida Religiosa”, dirige-se à Vida Religiosa brasileira e a todas as pessoas de boa vontade que continuam acreditando numa Vida Consagrada fiel e profética e que apostam num mundo de justiça e fraternidade, de relações dignas e respeitosas, mesmo em meio às desilusões e contradições de nosso tempo.

As partilhas e reflexões realizadas nesses dias nos evidenciam que como Congregações nascidas neste chão sagrado, na terra de “Santa Cruz”, tão marcado pelo sangue dos mais vulneráveis, precisamos assumir, com mais vigor, nossa missão de “sair depressa ao encontro da vida” e apontar caminhos de uma nova ordem política-econômica-social. Neste sentido, a Assembleia nos chamou a um revigoramento dos Carismas e nos convocou a “resgatar a humanização das relações”, tanto no interior de nossas Congregações, como na vida do povo de nossa nação.

Como Vida Religiosa Consagrada reconhecemos que nossa realidade está em contínua mudança e que, no contexto atual, precisamos ser criativas/os e abertas/os, sensíveis e ousadas/os, para “sairmos depressa ao encontro da vida”, especialmente da vida mais ameaçada.

A organização e gestão de nossas Instituições devem resgatar as relações humanizadas. Caminhamos em comunhão com o nosso querido Papa Francisco que conclama a cultivarmos a “cultura do encontro”, a sermos uma “Igreja em saída”, a ir às “periferias existenciais” e armar as nossas tendas leves e itinerantes, numa corrente de solidariedade e compaixão. Reafirmamos que a nossa identidade de consagradas/os não está na eficiência do que fazemos, mas na eficácia de uma vida vivida na simplicidade e humildade, a exemplo Daquele a quem seguimos.

Como Vida Religiosa brasileira, somos sensíveis ao clamor dos pobres e pequenos, indígenas, quilombolas, mulheres, jovens e crianças, vítimas de uma política que favorece apenas o grande capital e manifestamos a nossa indignação pelas decisões contra a vida dos menos favorecidos, conduzidas por um governo ilegítimo, um parlamento de costas para o povo e uma justiça parcial e seletiva.

Colocamo-nos ao serviço d´Aquele que acalenta os pequenos e excluídos de uma sociedade opulenta e inescrupulosa, pois cremos que “é para as classes desafortunadas que o coração de Deus parece inclinar-se mais”, como escreveu o Papa Leão XIII, em Rerum Novarum (RN13), no ano de 1891.

Reafirmamos nosso compromisso profético de “ouvir a Deus onde a vida clama” e “sair depressa ao encontro da vida”. Queremos anunciar a Boa Nova do Reino de justiça e paz, sempre em defesa e irmanados com nossos irmãos excluídos, que contam sempre mais com nossa presença e ajuda.

Sob o olhar e as bênçãos da Senhora Conceição Aparecida, em comemoração aos trezentos anos de presença materna na vida do povo brasileiro, rogamos-lhe que nos oriente e nos conduza a fazer sempre a vontade de seu Filho, como fez nas Bodas de Caná.

Assinada USGCB – União de Superioras e Superiores das Congregações Brasileiras.

Curitiba, 25 de agosto de 2017.

Informações adicionais

  • Fonte da Notícia: Irmã Ivonete Gardini

Adicionar comentário


 

Direção:
Isabel do Rocio Kuss

Ana Pereira Macedo

 Ivonete Gardini

Arte: Lenita Gripa

Congregação das Irmãs Catequistas Franciscanas
Rua Des. Nelson Nunes Guimarães, 346
 Bairro Atiradores - Joinville / SC – Brasil
Fone: (47) 3422 4865