pg incial 2018

cicaf

*

Você está aqui: HomeNotíciasProvocações da quarentena...
Publicado em Notícias
Postado por  Prov. Sta Teresa do Menino Jesus 11 Maio 2020
Provocações da quarentena...

 

Simpatizante partilha

experiências vividas

durante a quarentena!

 

O impacto da Pandemia é um fato inesperado, e aconteceu em um momento em que aparentemente a vida, as relações, o cotidiano das famílias seguiam o seu curso normal. Leve engano! De repente muitas agendas canceladas, atividades pastorais, escolas, shoppings, viagens, eventos familiares e tantos outros... Frente a essa realidade precisamos ressignificar nossa rotina.

O nosso núcleo familiar é numeroso, mas no convívio diário somos apenas cinco pessoas: uma criança, duas adultas e duas idosas, sendo uma de 87 anos que é a nossa matriarca, ela que nos últimos três anos faz acompanhamento neurológico e geriátrico. Com esse cenário adverso buscamos estreitar ainda mais os laços afetivos, manter uma rotina de interação pessoal com o grupo familiar de casa, mas também usando os grupos de whatsapp da família, comunidade, outros amigos e parentes de outros Estados. Os recursos tecnológicos nesta quarentena têm nos valido bastante.

Destacamos, porém, outras ações que tem ajudado harmonizar o nosso convívio e aumentar a reserva cognitiva, principalmente da minha mãe e fortalecer a nossa missão enquanto Cristãs. Nesses dias de quarenta em que não podemos ir à igreja templo, nos reunimos para celebrar os acontecimentos da vida do povo, rezar pelos irmãos, fazer as práticas devocionais, como: terços, novenas, ofício Divino, aproveitando a tecnologia a nosso favor. Devido a um problema de visão em minha mãe pouco assistimos TV; isso favorece mais ainda a interação entre nós.

Outras atividades de entretenimento e lazer promovidas são: exercícios físicos, jogos, sarau, roda de conversa. Esta última é a preferida de minha mãe, sobretudo quando sentimos a falta da presença dos familiares, irmão e irmãs da comunidade e tantas outras pessoas que, com esse isolamento social, precisaram também  ficar em casa.

Compreendemos que esse tempo da pandemia quebrou paradigmas, nos mostrou que as pessoas, a saúde e a família são bens preciosos e que os verdadeiros valores não estão nos bens materiais. E, sobretudo, esta experiência despertou em nós algumas virtudes que outrora estavam adormecidas: a escuta, a empatia, a caridade... Experimentamos o que afirmou Santa Dulce dos Pobres: "No amor e na fé encontramos as forças necessárias para seguirmos em frente, vencendo os obstáculos que surgem na nossa caminhada”. Nesta perspectiva, aqui na nossa família, valorizamos essa quarentena fazendo desta experiência aprendizados de vida.

Ao finalizar esse relato agradeço ao Deus da Vida por me oportunizar conhecer e compartilhar de experiências na missão das Irmãs Catequistas Franciscanas, às quais agregaram ensinamentos valiosíssimos na minha vida.

Deus e Nossa Senhora da Conceição  Mãezinha Aparecida abençoe a todos nós!

Informações adicionais

  • Fonte da Notícia: Simpatizante Maria de Jesus Borges Elizário

Comentários  

#3 Ana Lúcia Corbani 27-05-2020 21:41
Olá, Maria de Jesus! Muito bonita sua narrativa acerca de como está convivendo com sua família nestes tempos de COVID 19. Mas acima de tudo, um louvor a Deus por sua vida focada naquilo que é o bem, o bom, o saudáve! E feito junto com seus familiares! Há uma expectativa pós pandemia: de que sejamos pessoas mais humanizadas, mais solidárias, mais justas, mais ecológicas, mais politizadas... É tudo o que Deus espera de nós! Continua animada em sua caminhada. A Divina Sabedoria a abençoe nessa travessia!
#2 Marilete 26-05-2020 12:19
Obrigada Maria de Jesus! Linda a sua experiência, animadora e fortalecedora. Vários elementos, nos ajudam a refletir e a retomar nossa caminhada. Um abraço grande, para você e sua família. Com carinho.
#1 Irmã Zelide Paeze - C.F 19-05-2020 10:10
Olá Maria de Jesus e família. Nosso abraço bem francisclariano.
Admirável a experiência familiar de vocês . Oxalá toda família do mundo descobrisse a beleza e a força Divina existente no interior de cada família. Deus seja louvado e adorado e a Casa Comum amada e respeitada.
Toda Paz e todo Bem!

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

 

Direção
Isabel do Rocio Kuss

Ana Cláudia de Carvalho Rocha

Marlene dos Santos

Rosali Ines Paloschi

Arte: Lenita Gripa

Congregação das Irmãs Catequistas Franciscanas
Rua Des. Nelson Nunes Guimarães, 346
 Bairro Atiradores - Joinville / SC – Brasil
Fone: (47) 3422 4865